top of page

Tudo sobre a Travessia Petrópolis x Teresópolis: Morro do Açu e Pedra do Sino

Atualizado: 23 de mar.


Travessia Petrópolis x Teresópolis

Considerada uma das travessias mais lindas do Brasil, essa é uma das aventuras muito desejada pelos montanhistas brasileiros e também internacionais. Sem dúvidas uma travessia incrível, que eu não canso de fazer e aqui você irá encontrar tudo que precisa para ir realizar esse sonho.


Essa travessia pertence ao Parque Nacional da Serra dos Órgãos (PARNASO) e fica localizada no estado do Rio de Janeiro. Nesse percurso você atravessa da sede de Petrópolis até a sede de Teresópolis, caminhando aproximadamente 28km e passando pelas cidades de Guapimirim e Magé.


Resumo Travessia Petrópolis x Teresópolis

* Os dados sobre "Dificuldade Média" são baseados no documento oficial da FERMEJ (Federação de Esportes de Montanha do Estado do Rio de Janeiro), clique aqui e saiba mais sobre a Metodologia de Classificação de Trilhas.

 

O que você vai encontrar neste post?


 

Qual a melhor época para fazer a Travessia Petrópolis x Teresópolis?


A melhor época para fazer a Travessia Petrópolis x Teresópolis é durante o inverno brasileiro, durante a Temporada de Montanhas. No geral o movimento aumenta entre os meses de abril a setembro, isso porque, durante esse período, o tempo é mais estável (menos chuvas e menor chances de raio), clima mais ameno (atenção às vestimentas) e os dias são mais limpo e incríveis. É possível realizar montanhismo o ano inteiro, porém é essencial procurar uma boa janela no tempo e saber de todos os riscos envolvidos.


Quais são os principais riscos dessa Travessia?

  • Se perder durante o trajeto, principalmente no segundo dia ou até no primeiro caso baixe um nevoeiro;

  • Se lesionar nos trechos técnicos (e em outros também) e não conseguir terminar o percurso;

  • Chuvas e raios, se tornando mais vulnerável a acidentes ou grandes transtornos;

  • Hipotermia, assim que o sol se põe a temperatura cai muito.

 

Qual a dificuldade da Travessia Petrópolis x Teresópolis?


A travessia não é para iniciantes e exige um preparo físico e mental, porém seu nível de dificuldade vai aumentar ou diminuir de acordo com o estilo de travessia que você resolver realizar. É recomendado que faça essa travessia com um guia local ou com alguém que já realizou a travessia. A montanha não é para amadores, lembre-se disso!


Mas por que o nível de exigência varia de acordo com o estilo?

Você pode realizar a Travessia de formas diferentes, as principais são:

  • Trekking de 3 dias: Petrópolis x Teresópolis (tradicional ou sentido inverso) ➞ Travessia mais pesada, porém com maior aproveitamento de cada cantinho.

  • Trekking de 2 dias: Petrópolis x Teresópolis (ou sentido inverso Teresópolis x Petrópolis)

  • Trilha de 1 dia: Petrópolis x Teresópolis (ou sentido inverso) ➞ Travessia onde você pode ir mais leve em relação a bagagem, porém em um ritmo mais rápido e intenso.

Meu foco nesse post será a primeira opção, mas toda informação contida também se encaixa para as outras opções, então você pode utilizar como base para o tip